Lemon Curd

Há uns anos "descobri" um programa de televisão que adorei. O Britain's Best Bakery, da BBC.

Era uma delicía ver como "lutavam" aquelas padarias e pastelarias, pelo prémio e ao mesmo tempo descobrir novas receitas.

Uma das que vi e me chamou a atenção foi o "Lemon Curd", um creme de limão.

Procurei a receita, experimentei e só posso dizer que é delicioso sozinho, com bolacha Maria ou para rechear um bolo.

Bolo de Limão e Lemon Curd

Grau de dificuldade:
Médio
Tempo de elaboração:
90 min.

 

Ingredientes:

6 Ovos tamanho L

225 gr de Açúcar

230 gr. de Farinha com fermento

1 Colher de café bem cheia de fermento

170 gr de Manteiga

130 gr de Queijo de barrar ligth

Raspa de 1 limão

Sumo de 1 limão grande

Preparação:

Bata a manteiga com o açúcar até formar um creme esbranquiçado. Junte o queijo e continue a bater até se integrar bem. Junte as gemas e continue a bater. Adicione a farinha com o fermento e a raspa de limão. Por último junte o sumo de um limão.

Forre o fundo de uma forma desmontável com papel vegetal e unte os lados. Leve a cozer a forno pré aquecido até que o palito saia seco. Deixe arrefecer na forma antes de desenformar.

Corte o bolo em duas partes iguais, e recheie com o creme de limão. 

Pode decorar com glacê real.

 

Lemon Curd

Ingredientes:

2 Ovos

3 Gemas

140 gr de Açúcar

60 gr de Manteiga

2 Colheres de sopa de leite

Raspa de 1 limão

Sumo de 2 limões aproximadamente 100 ml. ou um pouco mais.

Preparação:

Misture bem os ovos, adicione o leite e o açúcar. Derreta a manteiga e junte ao preparado batendo sempre. Junte a raspa  e o sumo de limão. Leve a lume médio baixo mexendo sempre até engrossar.

 

Pudim de claras

Esta sobremesa portuguesa raramente falta nos restaurantes. Apesar de ser fácil requer no entanto alguma perícia para a elaboração do caramelo e do merengue. Obriga também a algum conhecimento prévio do forno para evitar surpresas.

Molotof

Grau de Dificuldade:
Médio
Tempo de Elaboração:
60 min. 

 

Ingredientes:

12 ovos

36 Colheres de Açúcar

12 Colheres de Água

Sal

Margarina 

Preparação:

Separe as gemas das claras e bata estas ultimas em castelo bem firme. Adicione 12 colheres de açúcar batendo sempre A velocidade alta. Reserve.

Leve ao lume 12 colheres de açúcar mexendo sempre até fazer caramelo. Retire assim que tiver derretido. Junte ao merengue envolvendo com uma colher. Convém que seja rápido pois o caramelo solidifica em contacto com as claras. 

Unte uma forma com margarina e polvilhe com açúcar, (como faria se o fizesse com farinha). Coloque o merengue dentro às colheradas alisando entre cada camada para que caiba todo. Leve ao forno pré aquecido, coloque a uma altura média e deixe cozer cerca de 15 minutos. Passado esse tempo apague o forno e não o abra durante todo o processo para evitar que baixe. Deixe arrefecer cerca de meia hora. Coloque uma colher de pau para deixar a porta do forno ligeiramente aberta.

Quando arrefecer coloque num prato e reserve no frio.

Para o doce de ovos, leve ao lume 12 colheres de água e 12 colheres de açúcar. Quando começar a ferver retire do forno e deixe arrefecer ligeiramente. Bata ligeiramente as 12 gemas e misture  leve a lume brando para engrossar. 

Antes de servir cubra o molotof com o doce de ovos e polvilhe com crocante de amêndoa.

Se pretender dar um pouco de contraste ao doce de ovos regue com um pouco de caramelo liquido. Se por acaso fez este pudim para aproveitar as claras que sobraram de outra receita, pode optar por acompanhar apenas com caramelo liquido.

Atenção:

Para evitar surpresas deve respeitar o tempo de cozedura e a temperatura. Demasiado tempo no forno tanto para cozer como para arrefecer, pode acabar no célebre pneu furado! Ou seja um Molotof que acabou demasiado cozido e baixou completamente.

 

A tarte da vizinha...

A tarte da vizinha é melhor que a minha... Não posso jurar porque já passaram tantos anos que acabei por idealizá-la, e nessa época em que a vizinha simpática me ofereceu alguma tarte ainda não a tinha tentado fazer. Lembro-me do sabor a manteiga e que me parecia deliciosa. E manteiga leva muita...

Tarte de Amêndoa

Grau de Dificuldade:
Fácil
Tempo de Elaboração:
60 min. + 180 min. para arrefecer.

Ingredientes:

Massa:

200 gr. de Farinha

100 gr. de Açúcar

100 gr. de Manteiga sem Sal

1 Ovo

2 Colheres de Sopa de Leite

1 Colher de Chá de Fermento

Cobertura:

150 gr. de Manteiga sem Sal

100 gr. de Açúcar

200 gr. de Amêndoa Laminada

4 Colheres de Sopa de Leite

Preparação:

Antes de começar a preparar a base da tarte, coloque as amêndoas num tabuleiro com papel vegetal e leve ao forno para tostar ligeiramente. (Para que não se queimem remexa de vez em quando). Entretanto bata o açúcar com a manteiga. Junte um ovo seguido da farinha. Adicione duas colheres de sopa de leite. Misture bem mas sem bater demasiado. Coloque numa forma para tarte, com fundo removível. Leve ao forno pré aquecido até meia cozedura.

Prepare a cobertura. Leve ao lume um tacho com o açúcar e a manteiga. Quando a manteiga tiver derretido adicione as amêndoas tostadas e o leite. Mexa até engrossar ligeiramente.

Retire a base da tarte do forno, coloque a cobertura por cima. Não se preocupe se não conseguir espalhar até ao bordo da forma, pois com o calor do forno vai distribuir-se mais uniformemente.

Leve ao forno mais 20 a 30 minutos, até que a cobertura esteja mais seca. Quando arrefecer fica crocante.

Pimenta e chocolate!

Para muitos parece uma combinação estranha ou impossivel, mas quando decidirem arriscar irão ver que resulta.

Decidi experimentar a receita dos quadrados de chocolate, com umas alterações minimas, e adcionar um pouco de pimenta de cayena...

Queques de Chocolate e Avelãs com Pimenta

Grau de Dificuldade:

Fácil

Tempo de elaboração:

50 min. + 60 min. para arrefecer.

 

Ingredientes:

5 Ovos

250 gr. de Manteiga

250 gr. de Farinha

250 gr. de Açúcar

250 gr. de Chocolate em Pó

100 ml. de Leite

100 gr. de Avelãs

2 gr. de Pimenta Cayena

Sultanas

 Preparação:

Bata a manteiga amolecida com o açúcar até formar uma massa esbranquiçada. Seguidamente junte os ovos um a um batendo sempre. Adicione a farinha e o chocolate que previamente desfez no leite. Bata para integrar e junte as avelãs picadas grosseiramente, (reserve algumas para cobrir o bolo). Adicione duas gramas de pimenta Cayena e misture bem.

Coloque as forminhas de papel nas bases de silicone ou metal pois ajudam a manter a forma. Encha até pouco mais de metade. Bata um pouco com as bases na bancada para assentar a massa. Espalhe as avelãs picadas por cima e coloque algumas sultanas no centro. Leve ao forno pré aquecido. Coza cerca de quinze minutos a 300 graus.

Verifique a cozedura com um palito se sair seco retire e deixe arrefecer antes de retirar dos moldes de silicone ou metal.

Brownies e companhia...

Quando alguns colegas e amigos provaram este bolo perguntaram se era um Brownie. Mas não, decididamente não tem nada a ver. O Brownie está entre a bolacha e o bolo mas tem uma consistência mais pesada apesar de ser delicioso.

Esta é mais uma gulodice que me acompanhou na minha infância mas com algumas alterações! Corrigi quantidades, adicionei avelãs e aconselho que utilize chocolate em pó de qualidade!

No meu caso usei Chocolate em Pó da marca "Espiga" e tenho que dizer que em termos de aroma e sabor o resultado é excelente!

Quadrados de Chocolate e Avelãs

Grau de Dificuldade:

Fácil

Tempo de elaboração:

50 min. + 240 min. para arrefecer.

 

Ingredientes:

 5 Ovos

 250 gr. de Manteiga

 250 gr. de Farinha

 250 gr. de Açúcar

 250 gr. de Chocolate em Pó

 100 ml. de Leite

 200 gr. de Avelãs

 Preparação:

 Bata a manteiga amolecida com o açúcar até formar uma massa esbranquiçada. Seguidamente junte os ovos um a um batendo sempre. Adicione a farinha e o chocolate que previamente desfez no leite. Bata para integrar e junte as avelãs picadas grosseiramente. (reserve algumas para cobrir o bolo).

Espalhe num tabuleiro forrado com papel vegetal, espalhe as avelãs que reservou sobre o bolo e leve ao forno pré aquecido. Coza cerca de trinta minutos a 300 graus.

Não abra o forno antes de passados 20 minutos. Verifique a cozedura com um palito se sair seco retire e deixe arrefecer no tabuleiro. Corte apenas passados duas horas.

 

Pudins...

Doces ou salgados, há muitas versões e tipos de pudins. Mas um pudim de ovos é uma sobremesa deliciosa e provavelmente uma das menos calóricas. Claro que não convém abusar. A receita que se segue é uma das muitas que tenho da minha mãe. Já agora se querem que o pudim fique compacto, sem buraquinhos tenham cuidado ao cozer em banho-maria, para que não entre água para dentro da forma.

Pudim de Ovos

Grau de Dificuldade:
Fácil
Tempo de elaboração:
50 min. + 240 min. para arrefecer.

Ingredientes:

10 Ovos

1 Litro de Leite

400 Gr. de Açúcar

Raspa ou Casca de Limão

3 Colheres de Sopa de Farinha

1 Forma de Pudim com Capacidade  para 1 e 1/2 litros

Preparação:

Prepare o caramelo. Num tacho coloque meia chávena de açúcar e leve ao lume até que derreta sem chegar a queimar. Adicione meia chávena de água quente e deixe engrossar ligeiramente. Coloque na forma e espalhe com movimentos circulares. Reserve.

Coloque um tacho com água ao lume para que vá aquecendo.

Aqueça o leite com uma casca de limão. Deixe arrefecer um pouco. Bata os ovos com o açúcar. Adicione três colheres de sopa de farinha, (usei Maizena). Retire a casca de limão do leite e adicione ao preparado, batendo sempre. Passe por um coador para garantir que não vai nenhum pedaço que não tenha sido batido. Tape a forma e coza em banho-maria. Retire quando ao espetar um palito este sair limpo. Deixe arrefecer um pouco antes de guardar no frigorífico.

Retire da forma apenas antes de servir.

Adoro canela!

Este é um dos bolos de que guardo boas recordações. Tenho ideia que a minha mãe o costumava fazer em forminhas, tipo queque. No entanto  feito no tabuleiro é muito mais rápido e temos outras hipoteses para decorar. A receita original não tinha maçã, mas é uma combinação excelente! É um bolo muito simples e que se faz em menos de uma hora.

Cuadrados de canela e maçã

Grau de Dificuldade:

Muito Fácil

Tempo de Elaboração: 

50 Min.

 

Ingredientes:

3 Ovos

200 Gr. Açúcar Amarelo

125 Gr. Farinha

25 Gr. Manteiga

1 Colher de Chá de Canela

1 Maçã

1 Tabuleiro com 32x26 aproximadamente

Preparação:

Forre um tabuleiro com papel vegetal. Acenda o forno a 180º. Numa tijela coloque o açúcar, a farinha, os ovos, a manteiga e a canela. Envolva batendo ligeiramente. Espalhe no tabuleiro. 

Lave uma maçã e com o descaroçador retire-lhe o centro. Corte em lâminas de 0,5 mm. cada uma. Disponha em cima da massa.

Leve ao forno 250º. Verifique a cozedura do bolo com um palito. Passado cerca de meia hora retire. Deixe arrefecer e corte em quadrados. Polvilhe com Icing Sugar ou açúcar amarelo antes de servir.

Nota: A receita original tem 250 Gr. de açúcar, mas quanto a mim fica demasiado doce, pelo que reduzi cerca de 50 Gr. Com estas quantidades e num tabuleiro desta medida fica com  quadrados finos, se desejar mais alto duplique os ingredientes.

Trompe-l'oeil

Desde que me lembro sempre adorei esta ilusão de óptica, o "trompe-l'oeil", pintar algo e dar a ideia de que é real!

Só vi esta sobremesa em casa quando a minha mãe a fez e claro está adorei! Já la vão  muitos anos e caiu mais ou menos no esquecimento como outras. Mas havia qualquer coisa que de vez em quando a trazia à minha memória. Procurei no livro de receitas e encontrei-a, se bem que não é exactamente como me lembro.

A receita que se segue tem algumas variantes que experimentei e quanto a mim funcionam melhor e se assemelha à ideia que tenho.

Ovos estrelados

Grau de Dificuldade:                                                        Tempo de elaboração:
Médio                                                                                40 a 60 min.

8 Pessoas

 

Ingredientes:

1 Lata de Pêssego

Merengue Italiano

6 Claras

350 gr. Açúcar

1/4 Chávena de Água

Doce de Ovos

6 Gemas

6 colheres de Açúcar

Raspa de Limão

Água

Preparação:

Merengue Italiano

Numa tijela com cinquenta gramas de açúcar e uma pitada de sal, deite as claras à temperatura ambiente. 

Num tacho deite 300 gramas de açúcar e um quarto de chávena de água, ou a suficiente para cobrir o açúcar. Leve ao lume até atingir os 120 graus, ou ponto de pérola. Demora cerca de 15 minutos.

Entretanto bata as claras em castelo bem firme. Retire a calda de açúcar do lume e adicione às claras em fio junto ao bordo da tijela continuando a bater sempre. Continue a bater até que note a tijela mais fria e que o merengue forme "picos" firmes.

Com uma colher disponha num tabuleiro.

Doure ligeiramente com um maçarico de cozinha ou em alternativa leve ao forno, se tiver gril, por cinco minutos controlando sempre para não se queimar.

 

Doce de Ovos:

Preparação:

Leve ao lume a água com o açucar até fazer um ponto leve.

Retire e junte as gemas batidas em fio, mexendo sempre e a raspa de limão.

Leve ao lume até engrossar ligeiramente, mexendo para não queimar.

 

Apresentação:

 

Disponha os pêssegos sobre as claras deixando um espaço entre eles, como se fossem ovos estrelados. Coloque um pouco de doce de ovos em volta do pêssego. Reserve no frigorifico até ao momento de servir.

 

Nota: pode optar por outro molho,  menos doce, mas feito com açúcar queimado.

Creme:

4 Gemas

1 Chávena e 1/4 de Açúcar Amarelo

1 Chávena e 1/4 de Leite

Num recipiente coloque o açúcar amarelo e deixe fazer um caramelo suave. Retire do lume, adicione o leite morno. Misture bem e finalmente as gemas batidas em fio mexendo sempre para não cozerem.

 

Pode optar por usar claras em castelo que cozeu numa calda de açúcar, mas a consistência vai ser diferente.

 

A soja como alternativa

Um dia destes ao conversar com uma jovem, esta comentou que tinha niveis de colesterol altissimos e estava a fazer uma dieta rigososa. Como tal poucos ou nenhuns doces comia e tinha substituido o leite por leite de soja.

Fiquei a pensar no assunto e parecia-me que apesar do sabor caracteristico desse produto poderia criar uma sobremesa.

Deitei mãos à obra e aqui está a minha sugestão!

Gelatina e Iogurte de Soja com Aveia Tostada

Grau de Dificuldade:                                                        Tempo de elaboração:
Muito fácil                                                                       15 min + 60 min


Ingredientes:

250 ml Leite de soja com café

6 gr Gelatina em Pó

2 Iogurtes Natural de Soja

Flocos de Aveia Tostados

Pepitas de Chocolate

Mel

Preparação:

Aqueça um pouco o leite de soja, mas sem deixar que ferva. Num copo misture a gelatina com duas colheres de sopa de água fria, mexa e espere dois minutos. Misture a gelatina com o leite, mexendo para desfazer. Coloque em taças e leve ao frigorifico durante pelo menos uma hora.

Imediatamente antes de servir,  misture as pepitas de chocolate com o yogurte natural, coloque por cima da gelatina e cubra com a aveia tostada. Regue com um pouco de mel ou xarope de Acer.

 

Nota: O leite não deve estar demasiado quente pois minimiza o efeito da gelatina. Se preferir que fique com uma consistencia mais suave aumente um pouco a proporção de leite. 

Aconselho chocolate negro ou para uso culinário. Pode optar por usar raspas de chocolate em vez das pepitas. Pode também acompanhar com bolachas de aveia e chocolate.

Sugiro o leite de soja com café, mas evidentemente pode usar qualquer outro sabor.

 

A Dona Joana

Uma noite destas quando vinha para casa encontrei a Dona Joana sentada â porta da sua casa a apanhar o fresco, como dizemos aqui.

Aproveitei e pedi-lhe para me dar uma receita de umas azevias que fez há anos e que provei. Conversa puxa conversa e acabou por me dar esta receita!

Parecia simples mas passaram quase três semanas e ainda não a tinha feito. 

No entanto isto deu-me outra ideia, porque não ir recolhendo e experimentando receitas de pessoas amigas?

Bolo de Maçã e Noz

Ingredientes:

5 Ovos Médios

2 Chávenas  /425gr Açúcar 

3 Chávenas / 425gr Farinha

1 Chávena / 150ml Óleo Vegetal

1 Chávena / 200gr Maçã Laminada

1 Chávena / 120gr Noz

1 Colher de Sobremesa de Canela 

1 Colher de Sobremesa de Bicarbonato

1 Tabuleiro com 32x26 cm aproximadamente.

Preparação:

Comece por untar o tabuleiro com um pouco margarina e forre-o com papel vegetal. Unte o papel para o bolo não pegar.  Bata os ovos com o açúcar até formar um creme. Adicione a farinha o bicarbonato e a canela e continue a bater. Seguidamente junte o óleo. Finalmente junte as nozes picadas grosseiramente e a maçã cortada em lâminas.

Envolva bem com uma espátula e meta no tabuleiro tentando distribuir a massa de forma uniforme.

Leve ao forno, previamente aquecido, durante aproximadamente meia hora. Verifique a cozedura com um palito. Se este sair seco o bolo está cozido.

Retire do forno e deixe arrefecer no tabuleiro.

Retire com a ajuda do papel vegetal e corte em quadrados.

 

Utilize uma maçã que seja saborosa.

Quanto a mim pode reduzir a quantidade de açúcar pelo menos de 50gr. Quando o bolo ficou a arrefecer tapei com um papel de alumínio para manter alguma humidade.

Em cru a massa deste bolo parece pesada e pode ter receio de que seja massudo, mas depois da cozedura verá que tem a consistência de um bom bolo caseiro.

A quantidade de quadrados varia consoante o tamanho deles, mas no meu caso deu cerca de 24 com seis cm.